TOTAL DE ACESSOS

terça-feira, 31 de março de 2020

RECONSTRUÇÃO DA AGENDA DOS FESTIVAIS



Todos nós estamos cientes da situação inusitada pela qual temos passado já faz alguns dias. 
De vereda, fomos atropelados pelos acontecimentos que nos forçaram ao isolamento social e até mesmo a um marasmo profissional jamais imaginado. O universo dos festivais nativistas teve as edições marcadas para o primeiro semestre de 2020, quase todas transferidas, canceladas ou suspensas temporariamente.  Esta circunstância dramática tem gerado muitas incertezas e angústias nos personagens do nativismo, sobretudo naqueles operários da arte e da cultura que tem a engrenagem dos festivais como seu principal ganha pão.  
Para minimizar essa ansiedade coletiva e, porque não, gerar boas expectativas no nicho festivaleiro, pretendemos elaborar uma versão atualizada da Agenda dos Festivais 2020, com as novas datas de inscrição e de realização dos eventos. 
Para que façamos isso com a fidelidade e correção necessárias, precisamos contar com a atenção, a disponibilidade e a boa vontade dos prezados produtores, organizadores, coordenadores, idealizadores e demais envolvidos com a realização dos festivais de música e de poesia nativistas.
Por favor, forneçam as referidas informações preferencialmente através do endereço eletrônico ronda.festivais@gmail.com, mas também pode ser no espaço destinado aos comentários desta postagem.   

Vamos, juntos, reconstruir a Agenda dos Festivais?

Antecipadamente agradecemos o engajamento de todos. 

Baita abraço.

#ficaemcasa         

MOENDA NO SOFÁ



Desde ontem, 30 de março a Moenda da Canção, de Santo Antônio da Patrulha, realiza uma edição virtual do festival, para incentivar músicos e compositores a exercerem sua criatividade durante esses dias de Pandemia causada pelo Coronavírus.
Com o nome de Moenda no Sofá, a iniciativa se mostra também como uma oportunidade de levar a música autoral para os lares das pessoas que estão em quarentena, bem como reforçar a campanha #fiqueemcasa.  Além disso, a atividade pode ser uma forma de amenizar os efeitos psicológicos do isolamento social a que todos nós fomos forçados.
Parabéns aos gestores da Moenda por criarem essa possibilidade para a classe musical que foi muito afetada profissionalmente pela pandemia.
As apresentações virtuais vão até o dia 8 de abril, das 19h às 21h.
As transmissões ao vivo (lives) no Instagran, serão veiculadas no perfil de cada músico participante, que deverá apresentar pelo menos uma canção que tenha concorrido na Moenda da Canção ou na Moenda Instrumental. Duração máxima de 30 minutos cada show.
Ontem, 30 de março,  Ernesto Fagundes, Pirisca Grecco, Raphael Madruga & Luke Brown e Adriana Defenti, participaram do Moenda no Sofá,
A programação prossegue com as seguintes atrações:

QUARTA-FEIRA - 1º DE ABRIL
19h:  O Mimo - @gianacervi
19h30:  Zebeto Corrêa - @zebetoc
20h:  Sérgio Rojas - @insta_sergiorojas
20h30:  Mário Tressoldi - @grupochaodeareia

SEGUNDA-FEIRA - 06 DE ABRIL
19h:  Kako Xavier - @kakoxaviereatamborada
19h30: Sperandires - @adrianosperandir
20h:  Germano Reis - @germanoreismusico
20h30:  Renato Müller - renateiro_gaitinho

QUARTA-FEIRA - 08 DE ABRIL
19h:  Chico Saratt - @moendadacancao
19h30:  Nilton Júnior - @niltonjuniorsilveira
20h:  Bilora - @biloravioleiro
20h30:  Elias Barboza - @eliasbarbozabandolim

segunda-feira, 23 de março de 2020

PORTEIRA DA POESIA SELECIONA CONCORRENTES


Em meio a parada forçada pela pandemia Corona Vírus, o festival Porteira da Poesia finalizou a triagem dos trabalhos inscritos e divulgou os poemas classificados para o evento, cuja data oficial de realização continua sendo o dia 16 de maio, no CTG Porteira do Rio Grande, em Vacaria. Se houver adiamento, propagaremos aqui no blogue.
Parabéns aos poetas e declamadores contemplados:
POEMAS INÉDITOS:
1. Bem Vindo
Autor: Adão Bernardes
2. Cordas e Acordes
Autor: Silvio Genro
3. Cruz de Pau
Autor: Henrique Fernandes
4. Das Razões Ditas e Não Ditas de Uma Noite de Ronda
Autor: Jeferson Valente
5. Do Mesmo Barro
Autor: Adão Quevedo
6. O Estranho
Autor: Matheus Costa
7. Sextina das Vaidades
Autor: Danilo Kuhn
8. Soneto Pelas Estações
Autor: Mateus Bauer
9. Tema, Rima e Inspiração
Autor: Ramiro Bregles
10. Três Marias em Nuvens de Chumbo
Autor: Athos Ronaldo Cunha


DECLAMADORES INFANTO-JUVENIS CLASSIFICADOS:
1. Dara Montagna Netto
Poema: Transações
2. Evelyn Gomes de Abreu
Poema: Lagoa
3. Giulia Macedo
Poema: Rondó Por Dona Constança
4. Isabella Guerra
Poema: Herança
5. João Athur Donadello
Poema: Responso Para João
6. João Pedro Simonatto
Poema: Canto aos Avós
7. Júlia Severo
Poema: Das Casas Que me Lembro
8. Lindsay Camini
Poema: Interrogatório
9. Lívia Castilhos da Silva
Poema: Mãe Velha
10. Luíza Hahn Schu
Poema: Concílio
11. Manuela Cornely
Poema: O Pai Nas Fotografias
12. Vítor Gasperin
Poema: Carreta

sábado, 21 de março de 2020

O MENESTREL AIRTON PIMENTEL MORRE AOS 81 ANOS.


Faleceu na noite deste sábado, 21 de março, aos 81 anos de idade, o cantor e compositor Aírton Pimentel, autor de clássicos da música regional gaúcha como “Negro da Gaita”, “Rancho da Estrada”, “Missal das Reses”, “Baile de Campanha”, “Vento Norte”, entre outros.    Foi o autor da trilha sonora do filme “Um Certo Capitão Rodrigo”, inspirado na obra do escritor gaúcho Érico Veríssimo, que foi rodado no pampa gaúcho, em 1970.
Fundou com Edu Réus e Ari Marchi, o conjunto “Os Araganos”, considerado um dos melhores grupos vocais gaúchos de todos os tempos. Em 1974 começou a sua carreira solo, com o disco “Menestrel” e em 1982 trouxe à luz o trabalho musical “Gaúcho ao Pé da Letra” que alcançou a vendagem recorde na época, de mais de 70 mil LP’s em todo o Brasil.  Em 1994 lançou o CD “Alegria dos Pampas”, no qual está registrado o sucesso “O Cagaço do Molina”.  Em 2012 lançou o primeiro songbook regionalista com o título de “Léguas de Milongas”.
Mas seu talento criativo não se restringe apenas ao espaço regionalista, sendo rico melodista e poeta de mão cheia, com visão peculiar do cotidiano.
Airton Pimentel foi um dos fundadores do Sindicato dos Compositores do RS.
Pai dos também músicos Pedro Guerra Pimentel e Marcelo Pimentel, ele foi um dos nomes mais importantes na trajetória inicial dos festivais nativistas do RS. .
Airton Pimentel da Silveira era natural de Bagé, tendo nascido no dia 17/10/1938.

RIFA SOLIDÁRIA


Meus amigos, frente a atual situação alguns profissionais da música e da cultura, já passam por dificuldades... 
Diante disso, a "Confraria da Música RS" lançou uma campanha de arrecadação de fundos para beneficiar os colegas mais necessitados.
Uma das ações é a "RIFA SOLIDÁRIA", com diversos itens doados pelos artistas: camisetas, cuias, facas, instrumentos musicais, diversos Kits disponíveis pra quem quiser e puder ajudar. 
Adquira o seu número acessando os links abaixo:

ATENÇÃO:
**Músicos com dificuldades, enviar nome e contato/fone para o email:  solidariomusico@gmail.com 

Por favor, não se acanhem!!!!

OBRIGADO A TODOS!



COMO FICAM OS PRAZOS PARA INSCRIÇÕES ?

Em decorrência das impreteríveis transferências e suspensões promovidas no calendário dos festivais de 2020, alguns compositores têm me procurado em busca de informações que sobre sobre os prazos para inscrições nesses certames.
A dúvida principal reside em saber se as datas limites também foram prorrogadas ou permanecem as mesmas?
Repassamos esta incerteza coletiva aos produtores e organizadores dos festivais cujos períodos para inscrições estavam ou ainda estão em vigor.
Lembramos que o Sistema Pró-Cultura RS LIC, através do qual são financiados quase todos os festivais, expediu, no dia 18/03, um comunicado oficial suspendendo por 60 dias toda e qualquer atividade cultural, bem como as datas previstas nos projetos amparados pelo mecanismo.
Os festivais com inscrições abertas até a estagnação provocada pelo Corona Vírus são os seguintes:
35º Carijo da Canção - Palmeira das Missões
Inscrições até 29/03/2020 - www.carijo.rs
28º Musicanto Sulamericano de Nativismo - Santa Rosa 
Inscrições até 29/03/2020  - www.fenasoja.com.br
Querência do Bugio - 16º Aparte
Inscrições até 30/03/2020 - quereciadobugio16@gmail.com
28ª Sapecada da Canção Nativa - Lages/SC
Inscrições até 31/03/2020 - www.sapecada.lages.sc.gov.br/inscrições
6ª Tertúlia da Poesia - Santa Maria
Inscrições até 03/04/2020 - tertuliadapoesia@gmail.com
27ª Tertúlia Nativista - Santa Maria
Inscrições até 09/04/2020 - tertuliasm@gmail.com
2º Manancial da Poesia Gaúcha - Portão
Inscrições até 20/04/2020 - cultura@portão.rs.gov.br

quarta-feira, 18 de março de 2020

MAIS FESTIVAIS REPENSADOS


Bueno gauchada. Como era de se esperar, mais alguns festivais programados para o primeiro semestre de 2020, estão sendo adiados ou pelo menos repensados.  

Na tarde desta quarta-feira, a comissão organizadora do 28º Musicanto Sulamericano de Nativismo, previsto para os dias 02 e 03 de maio, em Santa Rosa, emitiu um comunicado oficial adiando o festival para o segundo semestre do ano, em data a ser definida oportunamente.  

A situação do 35º Carijo da Canção Gaúcha, de Palmeira das Missões é um pouco diferente. 
A comissão organizadora comunicou que os trabalhos de produção e organização estão suspensos até meados do mês de abril, quando a comissão organizadora voltará a se reunir para ratificar ou não a data tradicional de 28 a 31 de maio. Vejam bem, apenas as tarefas de organização é que foram suspensas, o 35º Carijo está mantido, pelo menos por enquanto.


Estamos aguardando o posicionamento dos produtores de outros festivais importantes, previstos para os meses de abril e maio, tais como:

ABRIL:
24ª Estância da Canção Gaúcha - 16 a 18/04São Gabriel
2º Manancial da Poesia Gaúcha -  25/04Portão
16º Querência do Bugio - 30/04 a 02/05 -  São Francisco de Assis

MAIO:
18º Joãozinho da Ponte - 01 a 03/05São Gabriel
1ª Mateada da Canção Gaúcha - 08 e 09/05  - Venâncio Aires
27ª Tertúlia Nativista - 14 a 17/05 - Santa Maria
1º Porteira da Poesia - 16/05 - Vacaria/RS
6ª Tertúlia da Poesia - 23/05 - Santa Maria
29ª Tafona da Canção - 29 e 30/05 - Osório
8º Manancial Missioneiro da Canção - 29 e 30/05 - Bossoroca

PARA APRECIAR O ESTEIO DA CANÇÃO

O jornalista e nosso amigo Djalma Pacheco, servidor da prefeitura de Esteio e principal responsável pelo êxito do Esteio da Poesia Gaúcha, teve a louvável iniciativa de disponibilizar ao público em geral, notadamente ao apreciadores de festivais, os arquivos de áudio das duas únicas edições do Esteio da Canção Nativa, realizadas nos anos de 1994 e 1995.  A primeira edição foi registrada em vinil e a segunda em CD.
O Djalma executou a tarefa de converter o vinil do 1º Esteio para MP3 e contou com a dedicação voluntária do músico Jean Carlo Godoy, que utilizou os equipamentos do seu estúdio  para "limpar" o som, eliminando os chiados tão peculiares em LPs. 
Já as faixas e demais informações da segunda edição, foram disponibilizados ao Djalma pelo compositor Carlos Hahn, leitor assíduo do nosso blogue e ouvinte do programa Ronda dos Festivais.
Além de nosso amigo, Hahn é um importante colecionador de discos que, não raro, coloca seu acervo a disposição de quem precisa resgatar alguma música ou informação dos festivais de antigamente.   

Essa parceria espontânea entre a cultura da cidade de Esteio, através do Djalma Pacheco, o músico Jean Godoy e o colecionador Carlos Hann, resultou num importante resgate da história musical do Esteio da Canção Nativa, cujos registros estavam à beira do esquecimento.  
Graças a essa determinação coletiva, as canções do 1º e do 2º Esteio da Canção Nativa, já estão disponíveis no "sítio" do Soundcloud, para apreciação de todos que queiram matar a saudade ou até mesmo  conhecer o festival, cuja trajetória foi interrompida na década de 1990. 
Segundo o Djalma, muito em breve o material estará disponível também no Youtube.

Parabéns a todos os envolvidos, pela excelente atitude que deve servir de estímulo para aqueles festivais que ainda insistem em deixar sua história empoeirada nas gavetas e nas prateleiras.    

Para ouvir acessa:  https://soundcloud.com/user-898287769-214389719/albums?fbclid=IwAR04o-TkTxVwRxHQdHAyqldsgo4O3A-Lcr-ezzLjkY_pHDnGokb0ZCXFBiw

terça-feira, 17 de março de 2020

OBRIGADO DEPUTADO MARENCO

Ontem, publicamos uma postagem sugerindo que o Banrisul socorresse financeiramente aqueles artistas e outros prestadores de serviços atingidos pela nuvem negra que pairou nos últimos dias sobre o cenário artístico e cultural rio-grandense.

Hoje, o Deputado Estadual Luiz Marenco nos comunica que, em atenção ao nosso chasque virtual, encaminhou à diretoria do Banrisul, uma correspondência oficial, reivindicando a criação de uma linha de crédito especial, com o objetivo de atenuar a situação dramática em que se encontram alguns destes profissionais, em decorrência dos cancelamentos de diversos eventos e atividades.
Muito obrigado ao Deputado e amigo Luiz Marenco, pela baita demonstração de solidariedade e de interesse pelo bem estar dos operários da cultura.
Reiteramos nosso respeito e admiração pela sua pessoa, pelo artista que é, e pelo seu mandato, que exerce com humildade e competência.
Baita abraço e parabéns pela iniciativa.

16º CANTO DA LAGOA JÁ TEM NOVA DATA


Um dia depois de suspender temporariamente a edição de 2020 do festival, anteriormente programada para os dias 27 29 de março, a comissão organizadora do Canto Lagoa de Encantado, já definiu a nova data de realização da 16ª edição. Foi eleito o período de 20 a 22 de novembro de 2020.

Desejamos sucesso ao festival. 

Lembrete do Blogue:
No mesmo final de semana já estão programados mais três festivais, a saber:
19 a 21: 9º Canto de Luz - Ijuí
19 a 21: 21ª Seara da Canção - Carazinho
20 a 22: 15ª Jerra da Canção Nativa - Santa Vitória do Palmar



TRANSFERIDO O FESTIVAL DA BARRANCA

Um dos mais tradicionais encontros de poetas, compositores, músicos, intérpretes, contadores de causos, pescadores (e mentirosos em geral), o 49º Festival da Barranca não acontecerá no seu período tradicional, durante a Semana Santa.  Um nova data será oportunamente definida pelos Angueras Grupo Amador de Arte, entidade promotora do evento.
Em 2020, os barranqueiros terão que passar a Páscoa no aconchego de suas moradas. 
Vejam o comunicado oficial que recebemos:

LINHA DE CRÉDITO PARA TRABALHADORES DA CULTURA

O adiamento e até mesmo o cancelamento de eventos de cultura gaúcha, como shows, rodeios e festivais, acabou provocando uma baita insegurança em muitos artistas e prestadores de serviços que atuam no cenário regional e nativista. É sabido que muitos destes trabalhadores da produção cultural tem este nicho de mercado como principal fonte de rendimentos. 
E agora ? 
Será que o nossos boletos também serão adiados ou cancelados?  
Pouco provável.

Esse tema ganhou destaque num dos grupos que administro no whats app. Entre opiniões e sugestões, o meu irmão missioneiro Valter Portalete, proferiu a seguinte ideia:
O Governo do Estado, através do Banrisul, poderia disponibilizar uma linha de crédito, com juros subsidiados, para aqueles artistas que, mediante comprovação, tiveram suas participações adiadas/canceladas em alguns destes eventos que deixaram de ser realizados em decorrência do Corona Virus?
A quitação do empréstimo se daria a partir do momento em que o profissional contratado tivesse depositada na sua conta corrente, a remuneração estabelecida para a prestação do serviço no evento anteriormente adiado, desde que efetivamente realizada.  
Não seria uma possibilidade viável para amenizar as perdas momentâneas dos integrantes deste segmento profissional?
Senhores que detém o poder, por favor, pensem com carinho nesta sugestão.

segunda-feira, 16 de março de 2020

24º CANTO MOLEQUE TRANSFERIDO TAMBÉM

Recém havíamos postado a notícia das transferências de três festivais, nos chega o comunicado da comissão organizadora do Canto Moleque, também postergando a 24ª edição do festival, que aconteceria e 19 a 21 de março,na cidade de Candiota. 
Parabéns pela iniciativa.
Uma nova data será definida e divulgada em breve. 

TRÊS FESTIVAIS TRANSFERIDOS


O que temíamos, mas imaginávamos, acabou acontecendo. O adiamento em série de alguns festivais e de outros eventos programados para os meses de março e abril. 
No que tange aos festivais, que é a nossa aldeia,  já foram transferidos para datas futuras e ainda não definidas, o 1º Garimpo da Poesia, de São José do Ouro, o 34º Reponte da Canção, de São Lourenço do Sul, e o 16º Canto da Lagoa, de Encantado. 
Entendemos como acertadas estas atitudes, pois a saúde e a vida de cada um de nós deve se sobrepor a eventuais perdas financeiras. 
Lamentamos a ocorrência dessa epidemia causada pelo Coronavírus e reiteramos nosso pedido para que cada um faça a sua parte, evitando contatos físicos, lavando as mãos muitas vezes ao dia, usando álcool gel constantemente e "sossegando o facho" em casa.  

Assim que formos informados  sobre as novas datas, divulgaremos aqui no blogue Ronda dos Festivais e da mesma forma, no programa Ronda dos Festivais, que atualmente está sendo veiculado em 39 emissoras do RS, de SC e do MT. 

OS SHOWS DO 35º CARIJO

Baitaca, do fundo da grota para o palco do 35º Carijo

A Comissão Organizadora do 35° Carijo da Canção Gaúcha foi definida na tarde da quarta-feira, 04/03 e em seguida já divulgou algumas informações sobre o festival, que acontece de 28 a 31 de maio, no Parque de Exposições, em Palmeira das Missões.
O presidente do 35° Carijo e secretário de Cultura e Turismo, Delfino Suzano Junior, salientou que os shows do palco principal e do palco alternativo (lonão) estão encaminhados e que os contratos devem ser assinados em breve. 
Shows do Lonão:
Quarta-feira, 27/05:  Rodrigo Gonçalves e Grupo. 
Quinta-feira, 28/05:   Bentevi 
Sexta-feira, 29/05:  Xiru Missioneiro e Quarteto Chão Colorado
Sábado - 30/05:  Clóvis Mendes e Os Balseiros
Domingo - 31/05:  Gaiteiro Da Palmeira e Grupo Filhos das Missões.

Já para o palco principal do festival estão programados os seguintes shows: 
Quinta-feira: João Quintana e Grupo Parceria
Sexta-feira: Cesar Oliveira & Rogério Melo
Sábado: Baitaca e Grupo do Fundo da Grota
Domingo: Léo Pain.

Os jurados e apresentadores do festival também foram anunciados, sendo eles: 
Analise Severo, Dorival Godoi, Dorval Dias, Flavio Hanssen, Vaine Darde .
Apresentadores:  Liliana Cardoso e Zeca Amaral. 

As inscrições para o 35° Carijo e o 18° Carijinho podem ser encaminhadas no site www.carijo.rs
Para o 35º Carijo o encerramento do prazo será no dia 29/03/2020. Para o Carijinho o prazo máximo é o dia 15/04/2020. 

sábado, 14 de março de 2020

TEM RONDA DOS FESTIVAIS NO FINAL DE SEMANA

Pra esquecer um pouco o Corona, te liga no programa Ronda dos Festivais, que neste final de semana está sendo veiculado em diversas emissoras do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Mato Grosso..
Escolhe uma e te atraca na escutância!

SÁBADO:


DOMINGO:



quinta-feira, 12 de março de 2020

14º CANTO MOLEQUE - INTÉRPRETES CLASSIFICADOS

Saiu a listagem dos intérpretes classificados para o 24º Canto Moleque da Canção, que acontecerá nos dias 27, 28 e 29 de março, no Ginásio Municipal de Candiota.  Os selecionados devem confirmar participação até o dia 16 de março de 2020, exclusivamente pelo e-mail cantomoleque2020@gmail.com.  
Não havendo confirmações nesse período, serão chamados os suplentes. 
Os classificados , já na Ordem de Apresentação, são os seguintes: 











34º REPONTE DEFINIU AS CANÇÕES CONCORRENTES


Comissão Avaliadora do 34º Reponte
Após 19 horas de trabalho, a comissão avaliadora definiu as 10 (dez) composições classificadas para o 34º Reponte da Canção e as 10 (dez) para o 26º Pérola em Canto, festivais que acontecem nos dias 03 e 04 de abril no Galpão Crioulo do Camping Municipal de São Lourenço do Sul. A triagem das músicas inscritas iniciou na terça-feira, 10/03,  e foi concluída na manhã de quarta-feira, 11, na sala da Coordenadoria de Cultura de São Lourenço do Sul.
Vera Vargas, Xirú Antunes e Jairo Lambari Fernandes são os jurados da Linha Campeira. Danilo Kuhn, Kininho Dornelles e Alan Otto Redü são os jurados da Linha Manifestação Regional.  Ao todo foram acvaliadas 683 canções, sendo 595 para o Reponte e 88 para o Pérola em Canto.
Na primeira noite do festival, 10 (dez) músicas subirão ao palco pelo Pérola em Canto e  10 (dez) pelo Reponte. No caso do Pérola em Canto, duas músicas da Linha Campeira e duas da Manifestação Regional se classificarão para o 34º Reponte e se somarão as demais finalistas na segunda noite do festival. 

Músicas Classificadas para o 34º Reponte da Canção: 
Linha Campeira
1. Escrevo Versos Em Ti
Milonga 
Letra: Gujo Teixeira
Melodia: Joca Martins
2. Pealador 
Aire Chacarera 
Letra: Adriano Alves
Melodia: Edilberto Bérgamo
3. Nós
Milonga 
Letra: Frederico Cardoso Pinto
Melodia: Rui Carlos Ávila
4. Romanceiro do Jasmim
Milonga 
Letra: Guilherme Collares
Melodia: Marcelo Oliveira
5. Outra Manhã 
Chamamé 
Letra: Igor Mastoiano
Melodia: Fábio Peralta

Linha Manifestação Regional
1. Sopapeando
Canção Batucada
Letra: Carlos Hahn
Melodia: Kako Xavier
2. Romance do Pescador
Aire de Landó
Letra: Roberto Borges
Melodia: Roberto Borges
3. Bambaquererê Sinhá
Vaneira
Letra: Diego Müller/Martim César
Melodia: Érlon Péricles
4. O Engraxate
Canção
Letra: Rômulo Chaves
Melodia: Aline Ribas/Rafael Cardozo
5. Originários
Canção
Letra: Fernando Saldanha Filho
Melodia: Rodrigo Morales

Classificadas Pérola em Canto
Linha Manifestação Regional
1. Ondas de Saudade
Milonga 
Letra: Luís Antônio Weber
Melodia: Guerda Kuhn
2. Sinal de Lamento
Milonga
Letra: Artur Presser
Melodia: Artur Presser
3. Tempo, Amigo Velho
Canção
Letra: José Ricardo Freitas
Melodia: José Ricardo Freitas
4. Navegando Sonhos
Maçambique
Letra: Fernando Teixeira
Melodia: Fernando Teixeira
5. Refugando o Cabresto
Chamamé 
Letra: Mário Venzke de Freitas
Melodia:  Mário Venzke de Freitas

Linha Campeira
1. Escuta, Pois, Esta Gaita
Chamamé 
Letra: Lauri Lopes 
Melodia: José Fernando Saalfeld
2. Filho da Saudade
Milonga 
Letra: Tiago Iepsen 
Melodia: Rafael Rosa
3. Jeito
Valseado 
Letra:  Mauro Rosa
Melodia: Mauro Rosa
4. Pra Findar na Tua Morada
Milonga 
Letra: Tiago Rosa
Melodia: Tiago Rosa
5. "Menas" Que Zero
Vaneira
Letra: Ricardo Rosa
Melodia: Ricardo Rosa