domingo, 12 de julho de 2020

ESTÂNCIA DA SERRA VENCE O CANTE E ENCANTE

Leandro Berlesi, ao centro, interpretou a valsa "Alma Estancieira".
O CTG Estância da Serra, de Osório (23ª RT), venceu a edição virtual do Festival Cante e Encante o seu CTG, cuja etapa final aconteceu na noite de sábado, 11 de julho, no espaço de cultura Web Gaúcha, em Porto Alegre
A música que representou o Estância tem o título de "Alma Estancieira", uma valsa de autoria de Flávia Nogueira e Leandro Berlesi, interpretada por Leandro Berlesi.  A obra conquistou também o troféu de Mais Popular do festival, alcançando o maior número de curtidas no Facebook. 
Apresentado por Pedro Júnior da Fontoura e Analise Severo, a transmissão do Cante e Encante Seu CTG teve três horas de duração e contou ainda com o espetáculo de Érlon Péricles e Cristiano Quevedo, além de uma homenagem póstuma ao gaiteiro Porca Véia.  Uma gravura com a imagem do músico foi pintada em tempo real, à carvão, pelo artista plástico Anilto Cáureo e será presenteada à viúva do gaiteiro, Clau Boassardi.
Como reconhecimento, a equipe do CTG Estância da Serra será presenteada com a gravação profissional do tema em estúdio (Mídia A), em aúdio e vídeo, bem como com a exibição do vídeo nos programas Galpão Crioulo (RBS TV) e De Campo e Alma (Band TV).
Os vídeos  de todas as canções concorrentes, previamente gravados, estão a disposição de todos no Youtube.

Na classificação geral, que levou em conta curtidas no Facebook e nota dos jurados, o resultado é o seguinte: 
Primeiro Lugar:  CTG Estância da Serra
Cidade: Osório (23ª RT)
Música:  ALMA ESTANCIEIRA
Ritmo:   Valsa
Autores:  Flávia Nogueira/Leandro Berlesi
Interpretação: Leandro Berlesi
Segundo Lugar: CTG Velha Cambona
Cidade: Portão (15ªRT)  
Música: NOSSO CTG É ASSIM
Ritmo: Chamarra
Autor:  Jadir Filho
Interpretação: Jadir Filho
Terceiro Lugar:  CFTG Farropilha
Cidade: São Borja (3ªRT)
Música: PERFIL TRADICIONALISTA
Ritmo: Chamarra
Autores: José Pedro Lopes/Pedro Ernani/Márcio Trindade
Interpretação: Márcio Trindade 
Quarto Lugar: CTG Fogo de Chão
Cidade: Pedro Osório (21ªRT)
Música:  COM O CORAÇÃO NA COSTURA
Rtimo:  Chamame
Autores: Felipe Pereira/Alci Vieira Junior
Interpretação: Alci Vieira Junior
Quinto Lugar: DTG Juventude
Cidade: Alegrete (4ªRT)
Música: QUANDO UMA PORTA SE FECHA
Ritmo: Chamame
Autor:  Filipi Coelho
Interpretação: Olivério Coelho

sexta-feira, 10 de julho de 2020

34ª MOENDA - REGULAMENTO E INSCRIÇÕES

Conforme já anunciamos anteriormente, em decorrência da pandemia, a Moenda da Canção, de Santo Antônio da Patrulha,  promoverá sua 34ª edição nos dias 08, 09 e 10 de outubro de 2020 e não mais em agosto, sua data tradicional. É óbvio que não haverá presença de plateia, mas os músicos e intérpretes concorrentes serão reunidos num determinado ambiente, a ser divulgado oportunamente, onde desenvolverão as tarefas costumeiras de um festival.  No ainda secreto local, as canções classificadas serão apresentadas e transmitidas ao vivo, pelo Youtube. Na prática a 34ª Moenda será um acontecimento parcialmente virtual, mas realizado com os protocolos e regramentos determinados pela autoridades sanitárias e governamentais.
As inscrições podem ser encaminhadas até o dia 20 de agosto.
Mais informações, no regulamento do festival, que publicamos a seguir: 

34ª MOENDA DA CANÇÃO E 10ª MOENDA INSTRUMENTAL

08, 09 e 10 de outubro de 2020
REGULAMENTO: 

Artigo 1º – A 34ª MOENDA DA CANÇÃO e a 10ª MOENDA INSTRUMENTAL, de Santo Antônio da Patrulha/RS, que acontecerão nos dias 08, 09 e 10 de outubro de 2020, são iniciativas da MOENDA – Associação de Cultura e Arte Nativa – com o objetivo de projetar Santo Antônio da Patrulha e o Rio Grande do Sul, pela sua música, cultura e turismo no cenário nacional, integrando-os às manifestações artísticas de outros Estados brasileiros.
Parágrafo 1º – A 34ª MOENDA DA CANÇÃO e a 10ª MOENDA INSTRUMENTAL realizar-se-ão sem público presente no local do evento, havendo apenas transmissão on-line, ao vivo, através da plataforma YouTube.
Parágrafo 2º – No local do evento onde se realizarão a 34ª MOENDA DA CANÇÃO e a 10ª MOENDA INSTRUMENTAL serão observados todos os protocolos de segurança em saúde, conforme indicado pelos órgãos públicos.
Artigo 2º – O concorrente poderá ter no máximo cinco inscrições (letra e/ou música) em seu nome, individual ou em parceria, valendo como critério de inclusão as cinco primeiras enviadas para o e-mail constante no parágrafo 1º desse artigo.
Parágrafo 1º – A inscrição de cada composição deverá ser realizada diretamente no e-mail do Festival – moendadacancao34@gmail.com – acompanhada (I) da letra (quando houver), em formato “doc” ou “pdf”, fonte Arial, tamanho 12, espaçamento entre linhas 1,5, (II) do arquivo de áudio em formato “mp3” e (III) da ficha de inscrição que se encontra disponível no site da Moenda www.moendadacancao.com.br .
Parágrafo 2º – É expressamente proibida a identificação do(s) autor(es) (letra e música) na letra da composição, sob pena de sua exclusão.
Parágrafo 3º – A data limite para o recebimento das inscrições será 20 de agosto de 2020, impreterivelmente. A Comissão Central do Festival não se responsabiliza por lentidão no servidor. A partir das 00h00min da data limite, não serão mais recebidas inscrições. Portanto, as inscrições deverão ser feitas com antecedência.
Parágrafo 4º – Não será cobrada taxa de inscrição.
Artigo 3º – As composições classificadas serão escolhidas pelo corpo de jurados formado por cinco integrantes, indicados pela Comissão Central do Festival.
Artigo 4º – Serão jurados da 34ª Moenda da Canção e 10ª Moenda Instrumental:
Clarissa Ferreira
Marcelo D’avila
Marcelo Delacroix
Mathias Pinto
Odilon Ramos

Artigo 5º – A triagem, que acontecerá em 28, 29 e 30 de agosto de 2020, de forma on-line, classificará 16 (dezesseis) composições com letra e música e 4 (quatro) composições instrumentais para participar do Festival.
Artigo 6º – A comissão central comunicará ao(s) autor(es) (letra e/ou música) das composições classificadas, através do(s) e-mail(s) por ele(s) informado(s) na ficha de inscrição, o dia e a ordem de apresentação e passagem de som das concorrentes. Em anexo seguirá um termo de autorização de divulgação, de transmissão ao vivo, de gravação em CD e DVD e de distribuição em plataformas de streaming.
Parágrafo único – Após a comunicação pela comissão central, através do(s) e-mail(s) informado(s) na ficha de inscrição, o(s) autor(es) — letra e/ou música — da(s) composição(ões) concorrente(s) terá(ão) que confirmar a presença no Festival e enviar o mencionado termo de autorização contendo o nome do(s) intérprete(s) e do(s) acompanhante(s) da música classificada, no prazo máximo de 7 dias, através do e-mail moendadacancao34@gmail.com, sob pena de desclassificação a critério da comissão central. Caso contrário, será chamada a música suplente.
Artigo 7º – O ensaio/passagem de som será das 13h até às 17h dos dias 08 e 09 de outubro de 2020, de acordo com a data e a ordem de apresentação no Festival. Cada composição terá 20 minutos para a passagem de som. Dessa forma, a primeira música do Festival terá das 13h até às 13h20min para a passagem de som. Em caso de atraso, a concorrente perderá R$ 150,00 (cento e cinquenta reais) para cada 20 minutos de atraso, ficando em último lugar na passagem de som. Todavia, a passagem de som das músicas concorrentes não excederá às 18h do dia da apresentação.
Artigo 8º – Somente poderão participar composições que não tenham sido premiadas em outros festivais de música e não tenham registros fonográficos comercializados, inclusive em plataformas de streaming de música, como Spotify, Itunes, Deezer, dentre outros.
Parágrafo 1º – O ineditismo deverá constar obrigatoriamente na ficha de inscrição mencionada no parágrafo 1º, do artigo 2º deste regulamento, sob pena de não ser triada pelo corpo de jurados.
Parágrafo 2º – O não ineditismo, não identificado pela comissão central, poderá ser objeto de denúncia por escrito, com prova, até 5 (cinco) dias após a divulgação do resultado da triagem pela comissão central, no e-mail moendadacancao@hotmail.com.
Artigo 9º – É proibido participar da 34ª Moenda da Canção e/ou da 10ª Moenda Instrumental o compositor (música e/ou letra), intérprete e músico que tenha parentesco, até o quarto grau, com integrante(s) do corpo de jurados.
Artigo 10 – Cada intérprete e/ou instrumentista poderá participar da execução de no máximo três músicas concorrentes.
Artigo 11 – Poderão participar no máximo cinco músicos por composição concorrente, incluindo o(a) intérprete.
Artigo 12 – Classificam-se 10 (dez) composições com letra e 02 (duas) instrumentais para a noite final, que comporão o CD e DVD do Festival.
a) A Comissão Central informará, através do(s) e-mail(s) informado(s) na ficha de inscrição, a ordem de apresentação das músicas.
Artigo 13 – As gravações do CD e DVD das 12 músicas classificadas serão realizadas em suas apresentações de palco.
Artigo 14 – Cada uma das composições concorrentes receberá uma AJUDA DE CUSTO no valor de R$ 1.400,00 (um mil e quatrocentos reais).
Parágrafo Único – Cada composição deverá apresentar um dos músicos da ficha técnica como responsável pelo recebimento da ajuda de custo. É obrigatória a apresentação do CNPJ deste profissional.
Artigo 15 – Não serão oferecidas alimentação e hospedagem gratuitas aos compositores, músicos e intérpretes participantes do Festival.
Artigo 16 – A “Melhor Música do Festival”, na opinião do público, será escolhida através de voto direto dos espectadores na última noite do evento. A votação acontecerá de forma on-line.
Artigo 17 – A inscrição via e-mail - moendadacancao34@gmail.com implica aceitação expressa de todos os artigos constantes neste regulamento, sendo que o Festival não se obriga a cumprir o que nele não foi estipulado.
Artigo 18 – Premiação da 34ª MOENDA DA CANÇÃO:
1º lugar: Troféu Cantador
2º lugar: Troféu Cantador
3º lugar: Troféu Cantador

Melhor Arranjo: Troféu Paulino Mathias
Melhor Melodia: Troféu Demétrio Machado Ramos
Melhor Instrumentista: Troféu Eliseu de Venuto
Melhor Intérprete: Troféu Penduca
Melhor Letra: Troféu Jarcy Cândido dos Reis
Melhor Música do Festival – opinião do público: Troféu Francisco Carlos Gomes Salazar

Artigo 19 – Premiação da 10ª MOENDA INSTRUMENTAL:
1º lugar: Troféu Geraldo Flach
Melhor Instrumentista: Troféu Neri Caveira
Melhor Arranjo: Troféu Djalmo Martins de Oliveira

Artigo 20 – Os casos omissos nesse regulamento ou que firam a ética e a lisura do Festival, bem como eventuais dúvidas ou questionamentos surgidos a partir da data de abertura das inscrições até a realização do Festival serão julgados pela comissão central, assim composta:
Luciano Gomes Peixoto, Aliston da Cunha Oliveira, Luzardo Santos Cardeal, Maria Eloisa Costa, Raffaela da Silva Reis e Sandreli da Silva Bandeira.


FICHA DE INSCRIÇÃO

3 MOENDA DA CANÇÃO e 10ª MOENDA INSTRUMENTAL


   Título da Composição: ____________________________________________________

   Gênero / Ritmo Básico: ___________________________________________________
   Música (letra e melodia): INÉDITA (  )
  Atenção para o regulamento:
  Artigo 8º – Somente poderão participar composições que não tenham sido premiadas em outros festivais de música e não
 tenham registros fonográficos comercializados, inclusive em plataformas de streaming de música, como Spotify, Itunes,
 Deezer, dentre outros.

Autor da Letra:

RG:

CPF:

Endereço:

Cidade:

CEP:

Celular/whats:

Instagram:

E-mail:


Autor da Melodia:

RG:

CPF:

Endereço:

Cidade:

CEP:

Celular/whats:

Instagram:

E-mail:

quinta-feira, 9 de julho de 2020

3ª ESQUILA E VINDIMA, SÓ EM 2021


Recebemos e reproduzimos o comunicado abaixo, assinado pela comissão organizadora da Esquila e Vindima do Canto Gaúcho, dando conta das definições recentes sobre o andamento do festival que acontece na cidade de Encruzilhada do Sul.
Acompanhem: 

A Esquila e Vindima Vive e Pulsa !
Ainda sonhamos e isso é o que mais importa nesse momento. Nos últimos tempos precisamos nos reinventar e travar uma luta contra a COVID 19.
Vivemos de incertezas e de espera... Mas precisamos valorizar a vida.
Aguardamos até o último instante, observando e torcendo para que essa pandemia logo passasse; mas ela teima em testar nossa capacidade de união e superação. Mas vamos vencê-la.
Desta forma seguimos nos adequando às normas governamentais vigentes de saúde, de convívio social e com relação aos eventos culturais.
Com relação aos eventos precisamos neste momento seguir a Instrução Normativa SEDAC 03/2020 que trata da análise dos projetos através da Lei de Incentivo a Cultura - LIC e que dentre suas disposições torna inabilitado qualquer projeto que não seja de forma virtual.
Assim sendo, embora o nosso festival já disponha de parte do recurso para sua realização, através de Emenda Parlamentar do Deputado Marcelo Moraes, com a participação do Deputado Marenco; dependemos de aprovação do Conselho Estadual de Cultura e Secretaria da Cultura do Estado para captação do restante necessário; o que nesse momento não será possível ante o disposto na citada IN.
Diante do exposto, para que seja atendida a legislação vigente não nos cabe outra opção a não ser  o adiamento do festival para o ano seguinte; assim como tantos outros o vem fazendo.
Um triste cenário para aqueles que dependem destes eventos para prover o sustento de suas famílias. Mas precisamos pensar na vida nesse momento; é sabidamente a melhor opção. Sem a vida nada há de ressurgir e florescer.
Fica estabelecido o período de 12 a 14 de Novembro de 2021 para a  realização da 3ª edição nosso festival.
Com certeza o futuro próximo nos guarda o fim desta pandemia e a alteração da IN em vigor neste momento e assim de uma maneira bem especial desfrutaremos de toda poesia e musicalidade do nosso Rio Grande do Sul.

                                             Comissão Organizadora

CORAÇÃO EM VERSO

Recebemos e com satisfação publicamos aqui no blogue, o chasque enviado pelo poeta e compositor Paulo Ricardo Costa, que trata do projeto Coração em Verso.
Por favor, leiam a mensagem abaixo e se possível acessem o link que ela indica. 

Pessoal. 
Estamos convidando a todos para, no dia 20 de Julho (segunda-feira), à partir das 20 horas, nos acompanharem, através do YouTube e do Facebook, o Projeto CORAÇÃO EM VERSO, que tem o financiamento da Prefeitura Municipal de Santa Maria, através do Edital “VIVA CULTURA 2020”.  Será um Recital Poético Musical, no qual serão apresentados poemas de Paulo Ricardo Costa, com a Interpretação do declamador Fabrício Vargas, acompanhado pelo violonista Kayke Mello, todos componentes do Galpão da Poesia Crioula de Santa Maria.
Esse projeto visa, de uma forma mais branda e interativa, propagar a poesia de maneira recitada, bem como falar um pouco sobre a importância da poesia no contexto cultural, poético e literário do Coração do Rio Grande.
Inscrevam-se no nosso canal no YouTube para receber chamadas e mais informações.

Esperamos todos por lá.

terça-feira, 7 de julho de 2020

20ª RECULUTA DE GUAÍBA RECEBE INSCRIÇÕES EM JULHO

A Reculuta da Canção Crioula, um dos festivais que marcaram as décadas de 80 e 90, está de volta ao cenário nativista do Rio Grande do Sul, para realizar a sua 20ª edição. A boa notícia vem da cidade de Guaíba através de um chasque enviado pelo músico e compositor João Bosco Ayala Rodrigues, uma das lideranças culturais daquele município. 
Inicialmente será promovida uma Etapa Local, em formato virtual, gerada em ambiente a ser definido  e divulgado pela organização do festival, onde serão preservadas todas as medidas sanitárias necessárias para sua realização.
As inscrições devem ser encaminhadas até o dia 28 de julho de 2020, exclusivamente para o endereço eletrônico:  xxreculuta@gmail.com
A triagem das obras inscritas está programada para os dias 01, 02 e 03 de agosto, quando serão selecionadas as 12 (doze) canções para serem apresentadas nas noites de 20, 21 e 22 de agosto de 2020 e horários a serem informados oportunamente. 
Após as apresentações das concorrentes, a comissão avaliadora, composta por um poeta, um instrumentista e um intérprete, destacará 03 (três) músicas para concorrerem em igualdade de condições com as classificadas da Fase Geral da 20ª Reculuta, que acontecerá em 2021.

Os autores das 12 músicas classificadas para a Etapa Local da 20ª Reculuta receberão um cachê no valor de R$ 3.000,00, através de transferência bancária em favor do responsável pela inscrição.

Os destaques da 20ª Reculuta receberão troféus representativos das conquistas:
Serão agraciados: 
Primeiro Lugar:  Troféu Reculuta
Segundo Lugar:  Troféu Reculuta
Terceiro Lugar:  Troféu Reculuta
Melhor Intérprete: Troféu José Cláudio Machado 
Melhor Instrumentista: Troféu Sadi Cardoso 
Melhor Letra: Troféu Aparício Silva Rillo 
Mais Popular: Troféu Solon Tavares  (escolhida pelo público) 
Melhor Canção Sobre Temática Farroupilha: Troféu Berço da Revolução Farroupilha.

Regulamento e mais informações, podem ser obtidas na  Secretaria de de Turismo, Desporto e Cultura de Guaíba.
Telefone: (51) 3480-7070
E-mail: turismoecultura@guaiba.rs.gov.br


domingo, 5 de julho de 2020

CANTE E ENCANTE SEU CTG


A comissão avaliadora do Cante & Encante seu CTG, realizado pelo Movimento Tradicionalista Gaúcho do Rio Grande do Sul, reuniu-se no final de semana passado e definiu as dez músicas finalistas do festival, coordenado pela vice-presidência artística da entidade, com o objetivo enaltecer os CTGs e o trabalho que desenvolvem em favor da cultura gaúcha. Desde o dia 30 de junho, as músicas classificadas estão disponíveis na página do MTG no Facebook. A canção que obtiver o maior número de "curtidas" será aclamada como Canção Mais Popular.
A data da finalíssima do festival será anunciada no dia 11 de julho, às 20h, numa transmissão ao vivo, que contará com o espetáculo de Érlon Péricles e Cristiano Quevedo.  Haverá também uma merecida homenagem ao gaiteiro Porca Véia. 
A ação tem o patrocínio do Sindicato das Indústrias de Produtos Suínos do RS.

As 10 músicas finalistas são as seguintes: 
1. Perfil Tradicionalista
Representa:  CFTG Farroupilha - São Borja - 3ªRT
Gênero: Chamarra
Letra: José Pedro Batista Lopes
Melodia: Pedro Ernani / Marcio Trindade
Interpretação: Marcio Trindade, 
2. Vaqueano
Representa: CTG Brigadeiro Raphael Pinto Bandeira - Rio Grande - 6ªRT
Gênero: Chamarra
Letra: Vitor Lopes Ribeiro
Melodia: Mateus Louzada
Interpretação: Mateus Louzada
3. Alma Estancieira
Representa:  CTG Estância da Serra - Osório - 23ªRT
Gênero: Valsa
Letra: Flavia Nogueira 
Melodia: Leandro Berlesi;
Intérprete: Leandro Berlesi 
4. Com o Coração na Costura
Representa: CTG Fogo de Chão - Pedro Osório - 21ªRT
Gênero: Chamame
Letra: Felipe Barbosa Pereira
Melodia: Alci Vieira Junior
Interpretação: Alci Vieira Junior, 
5. Tentos de Afeto
Representa: CTG Laço da Querência - Porto Alegre - 1ª RT
Gênero: Chamame
Letra: Guilherme Rosa
Melodia:  Jacson Jaques/Daniel Castilhos;
Interpretação: Jacson Jaques
6. 55 Anos do Porteira
Representa: CTG Porteira das Missões - Cerro Largo - 3ªRT
Gênero: Vanerão,
Letra: José Gottardo/Vilmar Tolffo,
Melodia: Renato Gottardo/Egidio Sperandio
Interpretação: Renato Gottardo   
7. O Santo Chão da Oliveira a Terra dos Pinheirais
Representa: CTG Porteira do Rio Grande - Vacaria - 8ªRT
Gênero: Chamame
Letra: Rafael Ferreira
Melodia: Cassiano Paim/Italo Rossi/Alan Zotti
Interpretação: Cassiano Paim
8. Se o Sangue nos Separa
Representa: CTG Ultima Tropeada - Guaporé - 11ªRT
Gênero: Canção
Letra: Lucas Contini
Melodia: Lucas Contini/Caroline Sentena
Interpretação: Caroline Sentena
9. Nosso CTG é Assim 
Representa: CTG Velha Cambona - Portão - 15ªRT
Gênero: Chamarra
Letra: Jadir Filho
Melodia: Jadri Filho
Intérprete: Jadir Filho
10. Quando uma Porta se Fecha
Representa: DTG Juventude – Alegrete – 4ªRT
Gênero: Chamame
Letra: Filipi Coelho
Melodia: Filipi Coelho.
Interpretação: Filipi Coelho/Olivério Coelho

quinta-feira, 2 de julho de 2020

FESTIVAL DE POESIAS INÉDITAS ADELANTE DO VERSO



O CTG Bento Gonçalves da Silva, da cidade de Alvorada, também está promovendo a primeira edição do Festival Virtual de Poesias Inéditas Adelante do Verso.

A seguir, alguns aspectos importantes do regulamento:

O Festival será dividido em três categorias: Mirim, Juvenil e Adulta.

O tema será regional: Poemas que retratem a dinâmica social, os usos e costumes, fatos históricos e paisagens do Rio Grande do Sul;

Os trabalhos enviados deverão ser inéditos, e não devem ter participado de nenhum festival de poesia e também não deve estar publicada em nenhuma mídia social, livro ou qualquer forma de gravação audiovisual

Os poetas poderão concorrer com no máximo 3 trabalhos, mas na triagem poderão ser classificados apenas 01 (um) poema de cada autor.

É obrigatória a indumentária gaúcha para os declamadores e os amadrinhadores.

Cada declamador deverá defender somente uma poesia, podendo o autor também defender seu trabalho.

As inscrições podem ser feitas até as 23h59m do dia 20 DE JULHO DE 2020, através do email rosana_pro@yahoo.com.br

Cada poema deverá ser acompanhado de uma ficha de inscrição, ambos digitados, o poema deverá estar sem identificação do autor.

De forma virtual, os integrantes da comissão avaliadora analisarão as obras concorrentes e definirão 5 poemas da categoria Mirim, 5 poemas da categoria Juvenil e 7 poemas da categoria Adulta.

A comissão avaliadora estará formada por  Adão Quevedo, Carlos Omar Villela Gomes e Luís Lopes de Souza.



O resultado da triagem será divulgado no dia 26 de julho ao término do 2º Adelante do Verso Albeni Carmo de Oliveira, concurso online de declamação e também pelas mídias sociais e diretamente aos poetas classificados.

A premiação será assim distribuída:
1º Lugar Melhor poesia Mirim: Troféu
1º Lugar Melhor poesia Juvenil: Troféu
1º Lugar Melhor poesia Adulta: Troféu
1º Lugar Melhor Intérprete Mirim: Troféu
1º Lugar Melhor Intérprete Juvenil: Troféu
1º Lugar Melhor Intérprete Adulto: Troféu
1º Lugar Melhor Amadrinhador do Festival: Troféu
1º Lugar Melhor Conjunto da obra: Troféu

Os poemas serão declamados virtualmente no mês de setembro com data à ser divulgada posteriormente


COMISSÃO ORGANIZADORA
Rosana Araujo
Vitor Bielaski
Fernando Araujo

INFORMAÇÕES
Watts 51 996919301 Rosana Araujo
Watts 51 985072515 Fernando Araujo
E-mail: rosana_pro@yahoo.com.br

FICHA DE INSCRIÇÃO – 1ª Edição - 2020

CATEGORIA:     (   ) Mirim – Até 14 anos incompletos
                           (   ) Juvenil – Até 18 anos incompletos
                           (   ) Adulta – À partir de 18 anos

TÍTULO DO POEMA: _______________________________________________________________________
AUTOR(es): ______________________________________________________________________________
ENDEREÇO:______________________________________________________________________________
CIDADE: ___________________________________________________ CEP: ______________-__________
E-MAIL: ____________________________________________________ TELEFONE: (___) ______________
RG:___________________________________________ CPF: _____________________________________
DECLAMADOR (a): ________________________________________________________________________
AMADRINHADOR (es): _____________________________________________________________________
AUTORIZAÇÃO: Autorizo a Comissão Organizadora do 1º Festival Virtual de Poesias Inéditas Adelante do Verso a promover a divulgação nas mídias sociais, reservando-se, contudo, os Direitos Autorais, nos termos legais.
DECLARAÇÃO: Declaro, sob minha responsabilidade, que as informações contidas na Ficha de Inscrição são verdadeiras e que aceito as condições estabelecidas no Regulamento do Festival.

____________________ , ___ de ______________ de 2020.