TOTAL DE ACESSOS

GRUPO CARQUEJA

GRUPO CARQUEJA
Clica na imagem e aprecia a autêntica musicalidade fronteiriça e gaúcha. GRUPO CARQUEJA - Contatos: (53) 999.404.080

domingo, 30 de outubro de 2022

CALHANDRA DE OURO, O OSCAR DO NATIVISMO

Calhandra de Ouro
A Calhandra de Ouro é um lindo troféu, elaborado especialmente para contemplar aos autores da canção vencedora da Califórnia da Canção Nativa de Uruguaiana, festival criado em 1971, que deu origem ao que chamamos hoje de Movimento Nativista.
A obra de arte foi concebida pelo artista plástico, compositor,  ator, e cantor Paulo Ruschel, autor da música “Homens de Preto”, um clássico do cancioneiro gaúcho.   
Considerada como o Oscar do Nativismo, a Calhandra de Ouro é cobiçado por 10 entre 10 compositores gaúchos.  O troféu fica sob a guarda do autor vencedor até a edição seguinte do festival, quando este o repassará ao seu sucessor, que até poderá ser ele mesmo.
A posse definitiva da Calhandra de Ouro somente será possível, quando um autor vencer a Califórnia três vezes consecutivas ou cinco vezes de maneira alternada.  Enquanto isso não ocorre, ele fica com uma réplica do troféu. 

Considerando as 43 edições já realizadas da Califórnia da Canção Nativa apenas um autor tem a possibilidade de ficar com a posse definitiva da Calhandra de Ouro:   
MAURO FERREIRA.



Na condição de poeta/letrista, Mauro Ferreira já venceu 4 edições da Califórnia:

Mauro Ferreira conquistou 4 Calhandras de Ouro
18ª Califórnia – 1988 
TOADA DE MANGO
Letra: Mauro Ferreira
Melodia: Elton Saldanha
Interpretação: Elton Saldanha
21ª Califórnia – 1991 
FLORÊNCIO GUERRA E SEU CAVALO
Letra: Mauro Ferreira
Melodia: Luiz Carlos Borges
Interpretação: João de Almeida Neto
27ª Califórnia – 1997 
O FORASTEIRO
Letra: Vinicius Brum/Mauro Ferreira
Melodia: Luiz Carlos Borges
Interpretação: Luiz Marenco, Marco Aurélio Vasconcellos e grupo
32ª Califórnia – 2003 
O LAÇADOR DE BARRO
Letra: Antônio Augusto Ferreira/Mauro Ferreira
Melodia: Luiz Carlos Borges
Interpretação: João de Almeida Neto

Para conseguir a sua quinta Calhandra de Ouro, Mauro Ferreira terá que inscrever pelo menos uma de suas obras na 44ª Califórnia, torcer para que ela esteja entre as 24 canções classificadas e que seja a vencedora do festival, que acontecerá de 08 a 10 de dezembro, em Uruguaiana.
Se tudo isso der certo, ele ficará com a posse definitiva do cobiçado troféu.

Além de Mauro Ferreira, mais 13 autores conquistaram a Calhandra de Ouro em mais de uma oportunidade ao longo das 43 edições já realizadas.  São eles:

Marco Aurélio Vasconcellos 
3 Calhandras de Ouro:   3ª, 8ª e 36ª

Luiz Carlos Borges
3 Calhandras de Ouro:  21ª, 27ª e 32ª

Julio Machado da Silva Filho (falecido)
2 Calhandras de Ouro:   1ª e 13ª

Mário Barbará Dornelles (falecido)
2 Calhandras de Ouro:  5ª e 11ª

Gilberto Carvalho 
2 Calhandras de Ouro:  7ª e 8ª

Antônio Augusto Ferreira (falecido) 
2 Calhandras de Ouro:  10ª e 32ª

Elton Saldanha
2 Calhandras de Ouro:  18ª e 19ª

Vinícius Brum
2 Calhandras de Ouro:  24ª e 27ª

Silvio Genro
2 Calhandras de Ouro:  25ª e 40ª

Tadeu Martins 
2 Calhandras de Ouro:  29ª e 35ª

Lenin Nuñez
2 Calhandras de Ouro:  29ª e 35ª

Pirisca Grecco
2 Calhandras de Ouro - 33ª e 34ª

Nilton Ferreira
2 Calhandras de Ouro:  41ª e 43ª

Outros 46 autores conquistaram pelo menos uma vez a Calhandra de Ouro.

Será que o Mauro Ferreira vai acomodar definitivamente a Calhandra de Ouro na sua galeria de troféus?

Será que o Marco Aurélio Vasconcellos e o Luiz Carlos Borges vão conquistar sua quarta Calhandra  de Ouro ? 

E os demais autores, progredirão no ranking dos vitoriosos?

As respostas para estas e outras questões somente serão reveladas no momento da premiação da 44ª Califórnia da Canção Nativa, que acontecerá de 08 a 10 de dezembro, em Uruguaiana.
 
Lembrando que o festival aceita inscrições até o dia 16 de novembro de 2022, através do site do festival www.californiadacancaonativa.com.br

sábado, 29 de outubro de 2022

4ª CONVENÇÃO NATIVISTA: MÚSICAS CLASSIFICADAS


Na tarde deste sábado, 29 de outubro, foram conhecidas as músicas classificadas para a Fase Geral da 4ª Convenção Nativista, festival de canções inéditas que acontecerá nos dias 25, 26 e 27 de novembro, na Rua Coberta, centro da cidade de Julio de Castilhos.


A comissão avaliadora constituída por Jean Kirchoff, Halber Lopes, Luis Carlos Ranoff (Ithi), Renato Soares e Vaine Darde, entendeu por bem selecionar as seguintes obras:

quinta-feira, 27 de outubro de 2022

10ª VERTENTE DA CANÇÃO - INSCRIÇÕES ATÉ 15 DE NOVEMBRO

A 10ª Vertente da Canção Nativa será realizada nos dias 02 e 03 de dezembro de 2022, no Centro de Eventos Erni Pereira Alves, em Piratini/RS.

INSCRIÇÕES ATÉ 15/11/2022 através do e-mail vertentedacancao@gmail.com

Alguns aspectos do Regulamento do Festival:

Os interessados deverão enviar:
Arquivo de áudio em MP3
Cópia da Letra em Word ou PDF
Ficha de Inscrição Preenchida

As canções deverão ser inéditas
Encerrado o período para inscrições a comissão avaliadora, formada por Gujo Teixeira, Nenito Sarturi e Sabani Felipe de Souza, selecionará 12 músicas para a Fase Geral e 06 músicas para a Fase Local.
Cada autor poderá classificar apenas uma música, sozinho ou em parceria.
Cada instrumentista porderá atuar em até 02 composições;
Cada intérprete poderá atuar em apenas uma música concorrente;

As 18 músicas serão apresentadas nas duas noites do festival, 09 na sexta-feira (02) e 09 no sábado (03).
Logo após a apresentação no palco, a pessoa credenciada na Ficha de Inscrição receberá o valor de R$ 3.000,00 a título de prêmio por classificação.

Os destaques da 10ª Vertente da Canção Nativa serão premiados da seguinte forma:
Primeiro Lugar: 2.500,00
Segundo Lugar: R$ 1.500,00
Terceiro Lugar: R$ 1.000,00
Melhor Intérprete: R$ 500,00
Melhor Instrumentista: R$ 500,00
Melhor Letra: R$ 500,00
Melhor Melodia: R$ 500,00
Melhor Arranjo: R$ 500,00
Destaque Feminino: R$ 500,00
Melhor Música s/Piratini: R$ 500,00
Mais Popular: R$ 500,00
A música Mais Popular será definida pelo público internauta e presencial.

Informações e contatos: (55) 996.724.816 - Rita Ferreira

quarta-feira, 26 de outubro de 2022

DIVERSOS FESTIVAIS EM NOVEMBRO E DEZEMBRO

Para os meses de novembro e dezembro de 2022, estão previstas pelo menos duas dezenas de festivais nativistas no sul do Brasil.  Alguns desses certames ainda estão recebendo inscrições. Então, fiquem atentos aos prazos, às datas de realização e prestigiem a música  nativa, participando ou assitindo, de forma presencial ou virtual.  Sim, porquê todos os festivais serão transmitidos pelas plataformas digitais. 
Caso exista algum equívoco ou informação incompleta na Agenda, comunique-nos para que possamos providenciar os ajustes imediatamente.   

AGENDA DOS FESTIVAIS - NOVEMBRO E DEZEMBRO 2022:

NOVEMBRO:
04 e 05: 34º Reponte da Canção 
Local: Parque Camping Municipal - São Lourenço Sul

04 e 05: 8º Cantador de Campanha 
Local: CTG Fronteira Aberta - Sant'Ana do Livramento

04 a 06: 29ª Tertúlia Nativista 
Local: Praça Saldanha Marinho - Santa Maria

04 a 06: 13º ExpoCanto 
Local: Parque de Exposições Guilhermino Dutra - Arroio Grande

05 e 06: 6º Acordes do Pampa em Canção 
Local: CTG Passo do Rosário - Rosário do Sul

06: 6º Xirimindá da Poesia Gaúcha 
Local:  CTG Galpão da Boa Vontade - Palmeira das Missões

11 a 13: 37º Ponche Verde da Canção Gaúcha, 8º Ponche Verde Mirim, 5º Ponche Verde Instrumental, 21ª Mostra do Canto Campeiro
Local: Parque Juventino Corrêa de Moura - Dom Pedrito 

11 a 13: 3ª Esquila e Vindima do Canto Gaúcho 
Local: Ginásio Taborda - Encruzilhada Sul

12: 9ª Celeiro da Poesia  
Local: Abdon Batista/SC

13:  Expo Canto e Arte Festival de Interpretação Vocal
Local: Parque João Batista de Castilhos, Sindicato Rural de Quaraí. 
Resultado: 

17 a 19: 11º Canto de Luz e 7ª Lamparina da Canção
Local: Sociedade Ginástica Ijuí - Ijuí

25 e 26: 20º Joãozinho da Ponte 

25 a 27: 21ª Seara da Canção Gaúcha
Local: Patronato Santo Antônio - Carazinho

25 a 27: 4ª Convenção Nativista - Fase Geral 
Local: Rua Coberta - Julio de Castilhos

26: 3º Unidos Pela Tradição - Festival de Poesias 
Local: CTG Manoel Teixeira -  Tapejara

DEZEMBRO:
02 e 03: 10ª Vertente da Canção Nativa
Local: Centro de Eventos Erni Pereira Alves, em Piratini/RS

03: 28ª Vigília do Canto Gaúcho
Local: Ginásio da  Fenarroz - Cachoeira  do  Sul

03: 6ª Monta da Canção
Local: CTG Rodeio dos Palmares- Santa Vitória do Palmar

03 e 04: 1º Tropereada da Canção 
08 e 10: 44ª Califórnia da Canção Nativa 
Local: Uruguaiana

16 e 17: 13º Canto Sem Fronteira 
Local: Bagé

Em caso de reprodução destas informações, favor dar o devido crédito ao seu autor, o comunicador Jairo Reis. 

terça-feira, 25 de outubro de 2022

13° EXPOCANTO: MÚSICAS CONCORRENTES

A Comissão Organizadora do 13° ExpoCanto de Arroio Grande divulgou as músicas classificadas para as Fases Local e Geral do festival que acontecerá nos dias 04, 05 e 06 de novembro. 
A Comissão Avaliadora formada por Ricardo Comasseto, Juliana Spanevello e Sérgio Carvalho Pereira analisou mais de 450 composições inscritas e definiu as seguintes concorrentes:




segunda-feira, 24 de outubro de 2022

6ª MONTA DA CANÇÃO - INSCRIÇÕES ATÉ 17 DE NOVEMBRO

A 6ª Monta da Canção Nativa está programada para o dia 03 de dezembro de 2022, 
na Sede Campeira Valdir Muniz Silveira, do CTG Rodeio dos Palmares, em Santa Vitória do Palmar.

As inscrições devem ser encaminhadas até as 23h59min do dia 17 de Novembro de 2022, exclusivamente pelo e-mail: kininhodornelles1963@gmail.com

Reproduzimos a seguir, alguns aspectos do Regulamento do Festival:
1. É um concurso de canções inéditas terá tema livre.
2. Serão classificadas até 08 (dez) composições por uma comissão julgadora escolhida entre pessoas de capacidade reconhecida para tanto.
3. Os concorrentes poderão inscrever número ilimitado de composições inéditas, com tema livre, tanto em português quanto em espanhol, enviando o arquivo de áudio, o arquivo com a letra e a ficha de inscrição para o e-mail: kininhodornelles1963@gmail.com.
4. Cronograma de Atividades:
Dia 03 (sábado):
19h: Show de Abertura
20h: - Apresentação das 08 (oito) concorrentes.
21h30: Show de intervalo
23h: Premiação

5. As 08 (oito) composições classificadas para o festival receberão a título de ajuda de custo o valor de R$ 500,00 (quinhentos reais) que será pago após a apresentação no palco.
6. Serão premiados:
1º lugar: R$ 500,00 mais troféu
2º lugar: R$ 300,00 mais troféu
3º lugar: R$ 200,00 mais troféu
Melhor Intérprete
Melhor Instrumentista
Melhor Letra
Melhor Arranjo
Melhor Música Sobre o Tema GINETEADA.
A premiação paralela será feita através de troféus.

6º MONTA DA CANÇÃO NATIVA
FICHA DE INSCRIÇÃO
NOME DA COMPOSIÇÃO: ___________________________________________
AUTOR DA LETRA___________________________________________________
CI: ..................................... CIC .................................Tel. para contato: ...........................
Município: _________________________________________________________
AUTOR DA MELODIA: _____________________________________________
CI: ..................................... CIC ..................................Tel. de contato: ...........................
Município: ________________________________________________________
“Declaro estar de acordo com o presente regulamento”.
Santa Vitória do Palmar, ..........de ...............................de 2022.


Assinatura do Autor Assinatura do Autor

34º REPONTE VOLTA AO CENÁRIO DO NATIVISMO EM NOVEMBRO


Um dos mais tradicionais e importantes festivais de música do Rio Grande do Sul, retorna ao cenário nativista no início do mês de novembro.  Trata-se do Reponte da Canção que realizará sua 34ª edição nos dias 04 e 05 de novembro no Galpão Crioulo do Camping Municipal da Lagoa,  em São Lourenço do Sul.  Paralelamente ao 34º Reponte da Canção, ocorrerá o 26º Pérola em Canto, evento em âmbito municipal, que funciona como classificatória para o Reponte.
A Programação do Festival estabelece as seguintes atividades: 

Sexta-feira (04/11):
20h: Abertura do Festival
21h: Apresentação das concorrentes do 34º Reponte da Canção e 26º Pérola em Canto
23h: Show de "Elmo de Freitas", O Carijó
00h: Premiação do 26º Pérola em Canto
00h30: Show de "Os Fagundes"
Sábado (05/11):
20h – Show de Kininho Dornelles
21h – Apresentação das finalistas do 34º Reponte da Canção
22h30 – Show baile com "Grupo Querência"
23h – Premiação 34º Reponte da Canção
00h – Show baile com "Grupo Querência"

As músicas inéditas concorrem em duas Linhas:
Campeira: versa sobre os usos e costumes das lides de campo, representando as raízes da cultura gaúcha;
Manifestação Regional: os compositores terão maior liberdade na escolha dos temas e também dos ritmos e instrumentos, respeitando a cultura gaúcha e a grande pampa.

Os jurados da Linha Campeira são: Vera Vargas, Raineri Spohr e Márcio Nunes Correia. 
Os avaliadores da Linha de Manifestação Regional são:  Danilo Kuhn, Kininho Dornelles e Alan Otto Redü.  
As funções de Apresentadores do 34º Reponte estarão a cargo de dois talentosos e experientes nomes dos cenários da comunicação e dos festivais do Rio Grande do Sul: Juliano Moreno e Liliana Cardoso.

Canções concorrentes no 34º Reponte da Canção:
Linha Campeira
1. Escrevo versos em ti 
Milonga 
Letra: Gujo Teixeira
Melodia: Joca Martins
2. Coração de Milonga 
Milonga 
Letra: Ronaldo Machado/Carlos Omar Villela Gomes
Melodia: Zulmar Benitez
3. Nós 
Milonga 
Letra: Frederico Cardoso Pinto
Melodia: Rui Carlos Ávila
4. De Algum Mistério Estreleiro 
Milonga 
Letra: Fabrício Marques
Melodia: Daniel Cavalheiro
5. Outra Manhã 
Chamamé 
Letra: Igor Mastoiano
Melodia: Fábio Peralta

Linha Manifestação Regional

1. Sopapeando 
Canção Batucada
Letra: Carlos Hahn
Melodia: Kako Xavier
2. Os Olhos D'Alma 
Milonga
Letra: Cláudio Silveira
Melodia: Cláudio Silveira/Alex Har
3. Bambaquererê Sinhá 
Vaneira
Letra: Diego Müller/Martim César
Melodia: Érlon Péricles
4. O Engraxate
Canção
Letra: Rômulo Chaves
Melodia: Aline Ribas/Rafael Cardozo
5. Originários
Canção
Letra: Fernando Saldanha Filho
Melodia: Rodrigo Morales

Canções concorrentes no 26º Pérola em Canto
Linha Campeira
1. Escuta, Pois, Esta Gaita
Chamamé 
Letra: Lauri Lopes 
Melodia: José Fernando Saalfeld
2. Filho da Saudade 
Milonga 
Letra: Tiago Iepsen 
Melodia: Rafael Rosa
3. Jeito 
Valseado
Letra: Mauro Rosa
Melodia: Mauro Rosa
4. Pra Findar na Tua Morada 
Milonga 
Letra: Tiago Rosa
Melodia: Tiago Rosa
5. “Menas” Que Zero
Vaneira
Letra: Ricardo Rosa
Melodia: Ricardo Rosa

Linha Manifestação Regional
1. Ondas de Saudade 
Milonga 
Letra: Luis Antônio Weber
Melodia: Guerda Maria Kuhn
2. Sinal de Lamento 
Milonga 
Letra:  Artur Presser
Melodia: Artur Presser
3. Tempo, Amigo Velho 
Canção
Letra: José Ricardo Freitas 
Melodia: Vilson Freitas da Silva
4. Refugando o Cabresto 
Chamame
Letra: Mário Freitas
Melodia: Mário Freitasa


INGRESSO Á PREÇO POPULAR
Com o objetivo de democratizar a arte e a cultura regional e nativista, o 34º Reponte da Canção terá ingresso único e a preço popular. Ao contrário dos anos anteriores, o Festival terá apenas a entrada Geral. Não haverá comercialização de mesas e cadeiras, aproximando a comunidade dos intérpretes e instrumentistas.   O ingresso, no valor único de R$ 15,00 (quinze reais), será vendido por dia na bikheteria do evento, não havendo vendas por "pacote" ou "passaporte"dos ingressos. 
O Festival disponibilizará quatrocentas cadeiras, que serão ocupadas por ordem de chegada pelos amantes da música tradicionalista. Servidores Públicos da Prefeitura de São Lourenço do Sul terão direito de acessar o 34º Reponte da Canção livremente, bastando apenas se identificar na entrada do Festival com documento de identidade. Crianças de até seis anos também têm acesso livre ao Festival. Idosos com sessenta anos ou mais, crianças de até doze anos e estudantes (mediante apresentação da Carteirinha da UNE) pagam meia-entrada. 


Informações: Secretaria Municipal de Turismo, Indústria e Comércio (SMTIC)
Telefones: (53) 3251-9518 / (53) 3251-9599
Instagram: @turismosls
Facebook: São Lourenço do Sul - @turismosls

6º ACORDES DO PAMPA - MÚSICAS CLASSIFICADAS

No domingo, 23 de outubro, foram anunciadas as músicas classificadas para o 
6º Acordes do Pampa em Canção, festival de músicas inéditas  que acontecerá nos dias 05 e 06 de novembro, no CTG Passo do Rosário, na cidade de Rosário do Sul.  
A comissão avaliadora selecionou 04 (quatro) músicas para a Fase Local e 10 (dez) para a Fase Geral.   As 14 (quatorze) canções classificadas serão apresentadas na noite de 05 de novembro.  No dia 06, 12 (doze) delas retornam ao palco na condição de finalistas do 6º Acorde do Pampa em Canção. 
Composições Classificadas:

FASE GERAL:
1. A MORENA DOS VERSOS
Ritmo: Milonga
Letra: Mário Amaral   
Melodia: Beto Gonzalez 
2. DO TEMPORAL
Ritmo: Chamamé
Letra: Paulo Ricardo Costa
Melodia: Arison Martins
3. ENSINAMENTOS DE CAMPO
ritmo: Chamamé
Letra: Dalvan Medina/Mário Lucas  
Melodia: Diego Camargo  
4. MARCA DE FOGO
Ritmo: Milonga
Letra: Rodrigo Bauer
Melodia: Marcelinho Carvalho  
5. MESMO CAMPO, MESMO PASTO
Ritmo: Chamamé
Letra: Getúlio Santana Silva
Melodia: Eliezer Garcez/Leandro Martins  
6. MEU RETRATO GALPONEIRO
Ritmo: Vaneira
Letra: Juliano Alievi/Sérgio Ney Moura   
Melodia:  Sabani Felipe de Souza  
7. PONCHO PRETO
Ritmo: Chamamé
Letra: Eduardo Monteiro Marques  
Melodia: Halber Lopes  
8. POR UM FIO DE BIGODE
Ritmo: Rasguido Doble
Letra: Marco Antonio Soares
Melodia: Volmir Coelho  
9. ROSÁRIO NA MÃO
Ritmo: Milonga
Letra: Máximo Fortes(In memorian)
Melodia: Pena Flores/Pedro Flores  
10. UM GOLPE ASSIM SE REVELA
Ritmo: Milonga
Letra: Mário Lucas   
Melodia: Rafael Alves 
 
FASE LOCAL:
1. CAMPEANDO UMA VÉIA RICA
Ritmo: Bugio
Letra: Jorge Prado
Melodia: Jorge Prado
2. DOMANDO PRA VINTE E UM DIAS
Ritmo: Chamarra
Letra: Sandro Alex Vieira/Marco Antonio Soares   
Melodia: Sérgio Pereira
3. NA SOLIDÃO DO CATRE
Ritmo: Toada
Letra: Jorge Luis Peres Machado
Melodia: Sérgio Pereira
4. TROPILHA DOS CARROCEIROS
Ritmo: Milonga
Letra: Fabrício Mattos
Melodia: Fabrício Mattos 

OS DESTAQUES DA 8ª CARRETEADA

Renato Mirahil e os troféus
Já passava da meia-noite de domingo, 23, quando foram anunciados os destaques da 8ª Carreteada da Canção e Poesia Nativa, festival realizado  na localidade de São Valentim, interior do município de Santa Maria/RS. 
Após a apresentação das 4 poesias e das 12 canções finalistas, a comissão avaliadora formada por Fernanda Irala, Carol Lima, Elias Rezende, Evandro Zamberlan, Liege Schneider, Juliano Santos e Fabrício Vargas, apontou os seguintes destaques:

CARRETEADA DA CANÇÃO:
Primeiro Lugar: No Rastro das Rodas
Letra: Sílvio Genro
Melodia: Tuny Brum
Interpretação: Renato Mirahil

Segundo Lugar: Assombração.
Letra: Luiz Eduardo Lima
Melodia: Volmir Coelho
Interpretação: Volmir Coelho

Terceiro Lugar: Uma Pandorga no Céu
Letra: Carlos Omar Villela Gomes
Melodia: Diogo Matos
Interpretação: Paola Mattos

Melhor Intérprete: Paola Mattos
Música: Uma Pandorga no Céu

Melhor Instrumentista: Mateuzinho Schuch
Instrumento:
Música: No Rastro das Rodas

Melhor Arranjo: Em Cada Canto
Letra: Osmar Ransolin
Melodia: Ângelo Franco
Interpretação: Ângelo Franco

Melhor Grupo Vocal: Milonga do Castelhano
Letra: Jair Medeiros
Melodia: Máximo Fortes (in memorian)
Interpretação: Joni André

Melhor Tema Sobre a Carreta: No Rastro das Rodas
Letra: Sílvio Genro
Melodia: Tuny Brum
Interpretação: Renato Mirahil

Mais Popular: Carreirada
Letra: Mario Eleú (in memorian)
Melodia: Penna Flores
Interpretação: Maurício Rigon e Pedro Flores


Aline Linhares
CARRETEADA DA POESIA:
Primeiro Lugar: Meu Filho Morreu de Fome
Autor: Carlos Omar Villela Gomes
Declamadora: Aline Linhares
Amadrinhador: Zulmar Benitez

Segundo Lugar: O Encantador de Bivaques
Autor: Cândido Brasil
Declamador: Guilherme Marques
Amadrinhador: Kayke Mello  

Terceiro Lugar: Doação
Autora: Joseti Gomes
Declamadora: Julia Severo
Amadrinhador: Halber Lopes

Melhor Declamador/a: Aline Linhares
Poema: Meu Filho Morreu de Fome

Melhor Amadrinhador: Halber Lopes
Poema: Doação

Melhor Tema Sobre a Carreta: Na Sombra de Uma Carreta
Autores: Paulo Ricardo Costa/Ney Moreira da Silva (in memorian)
Declamador: Willian Piccinin
Amadrinhador: Cristiano Rodrigues

Fonte: Lucimar/Oristela Alves