7º ESTEIO DA POESIA GAÚCHA

domingo, 3 de outubro de 2021

SURTO DE COVID EM FESTIVAL

Bom dia gauchada.

Antes de publicar este texto, eu fiz contato com diversas pessoas e confirmei as informações que chegaram ao meu conhecimento, dando conta de que pelo menos 21 (vinte e um) participantes da 29ª Ronda de São Pedro, testaram positivo para Coronavirus no transcurso da semana entre 25/09 e 01/10.  

O festival aconteceu nos dias 24 e 25 de setembro, em São Borja.
Por uma questão de ética e de respeito a todos, eu não vou divulgar os nomes dos infectados, tampouco vou atribuir culpabilidade a quem quer que seja. Não existem culpados, existem responsáveis por atitudes que nem sempre são as mais adequadas. 
Na minha visão, a responsabilidade  pela ocorrência desse indesejado surto de Covid 19 é unicamente daqueles que compareceram ao festival.  Inexplicavalmente, as pessoas já se concederam o direito de negligenciar os cuidados em relação a pandemia. Agem como se ela já não existisse mais,  relaxando nas medidas anti-covid e desta forma, assumindo comportamento irresponsável perante os demais integrantes dos seus círculos de relacionamento social, profissional e familiar.  
Não foi diferente lá em São Borja durante a 29ª Ronda, apesar dos cuidados adotados pelo festival. O que era possível fazer para que esse fato não ocorresse, foi feito, disse-me um dos organizadores da Ronda. Mas, lamentavelmente, ocorreu.

Até este momento, apurei que 13 músicos, 4 compositores, 3 jurados e 1 integrante da comissão organizadora testaram positivo para Covid 19 nos últimos dias. Todos já estavam vacinados, com duas doses, inclusive.   Graças a Deus estão bem e almejo que assim continuem.   

É óbvio que esse surto indesejado de covid 19 gerou apreensão no meio nativista.  Foi a primeira vez que isso aconteceu...  e desejo que seja a última. 
Torcendo para que não surjam mais casos, espero que esta inusitada circustância sirva de lição e de alerta para os demais festivais e eventos em geral.    
Por favor, não afrouxem nas medidas de preservação da saúde. Exijam o uso da máscara, estimulem o uso do alcool gel, promovam a higienização dos equipamentos e, principalmente,  não povoquem aglomeração de pessoas.  
Invistam na preservação da saúde. 

Aos meus amigos poetas, compositores, músicos, intérpretes e intrumentistas, eu reforço o meu apelo: Cuidem-se!  Não sejam inconsequentes, nem menosprezem os protocolos de higiene.  Por favor, preservem suas vidas e as de seus familiares e amigos.

Esta doença é muito cruel. Causa angústia e sofrimento para todos e deixa sequelas por longo tempo. Afirmo isso, lastreado na minha própria experiência, quando vivi dramáticos e terríveis dias numa UTI.  Não quero isso pra ninguém.    

Vamos preservar a saúde e vivermos com alegria as emoções do nativismo gaúcho.

Grato a todos pelas informações prestadas e pela atenção dispensada ao nosso blogue.   

Baita abraço e bom domingo. 

Jairo Reis
Comunicador e Produtor Nativista

3 comentários:

  1. Baaahhh coisa braba... E não se pode relativizar!

    ResponderExcluir
  2. A MAIORIA DOS CASOS DOS INFECTADOS NÃO FORAM PELO O FESTIVAL, NÃO VAMOS CAUSAR O SUSTO, AINDA PRECISAMOS TER MUITO CUIDADO MAS, DE FONTE SEGURA QUE NÃO FOI NO FESTIVAL QUE ACONTECEU O TAL SURTO, AQUI NA CIDADE JA ESTA TUDO LIBERADO E NÃO TEMOS NENHUM TIPO DE SURTO, NÃO ESTOU QUERENDO CAUSAR POLEMICA MEU AMIGO MAS, NÃO TEVE SURTO NA RONDA, COMO EU DISSE, A MAIORIA DESSES CASOS DO COVID 19 FOI TRANSMISSÃO DE OUTRO LUGAR.

    ResponderExcluir
  3. Nosso amigo Corderosa, descanse em paz !!!! 🙏

    ResponderExcluir

Deixa teu comentário, mas por favor, te identifica.
Grato e um baita abraço.