segunda-feira, 13 de julho de 2015

O RETORNO DO APARTE DA CANÇÃO GAÚCHA

A mobilização de tradicionalistas e pecuaristas fará com que Cachoeira do Sul tenha, em outubro próximo, o resgate do festival de música campeira Aparte da Canção Gaúcha.
Após um intervalo de 25 anos, o evento tornará a ser promovido pelo Sindicato Rural e o CTG José Bonifácio Gomes, desta vez com apoio do Núcleo Cachoeirense de Compositores Nativistas (NCCN), e integra a programação da 65ª Feira Agropecuária de Cachoeira do Sul (FEAPEC). Serão 12 músicas inéditas em avaliação e um show de um nome de destaque no nativismo. O CD será lançado no festival.
As tratativas se desenvolveram nos últimos dias a tempo do festival ser incluído no planejamento da Feira. Esta será a terceira edição do Aparte, nascido da união do Sindicato Rural e do CTG em outubro de 1989, e que teve a segunda edição em outubro de 1990. 
O 3º Aparte da Canção Nativa acontecerá no CTG José Bonifácio, na noite de sexta-feira, 02 de outubro de 2015, logo após o leilão de cavalos crioulos da FEAPEC. A produção será da JE Mídia Visual. Os recursos estão sendo buscados via patrocínios diretos com empresas e simpatizantes da cultura campeira. Nos próximos dias a comissão organizadora divulgará datas de inscrição e o regulamento do festival. Já existe uma programação, o regulamento e o conceito estão formado. Nos próximos dias, após os ajustes técnicos finais, as datas e processos serão anunciados.
OPORTUNIDADE
O presidente do Sindicato Rural, Paulo Afonso Schwab, destaca a oportunidade da proposta. “É mais um atrativo à FEAPEC, para que o cidadão urbano conheça mais a importância social e econômica do agronegócio. Diante desse aspecto, suprir a lacuna da expressão cultural e artística que retrata o homem do campo e a agropecuária regional no município, resgatar um evento do Sindicato que já se fazia há 25 anos, nos pareceu muito oportuno. É um evento que soma à nossa programação”, frisa.
Para César Sena, patrão do CTG, o apoio do Sindicato Rural foi fundamental para viabilizar o projeto. “Contatamos os criadores do festival e seus herdeiros, e a união de forças está proporcionando que o Aparte renasça com a credibilidade e a tradição da FEAPEC”, enfatiza.

O secretário-geral do Núcleo de Compositores (NCCN), Cleiton Evandro dos Santos, comemora a iniciativa. “A FEAPEC é o palco ideal para um festival nativista e campeiro, pois a cultura gaúcha é essencialmente pecuária. Alguns dos compositores são associados ao sindicato, ovinocultores, crioulistas, pecuaristas ou têm origem no campo. Falamos o mesmo dialeto. Com esse diálogo se abre um caminho de integração e se dá origem a um evento enxuto, mas de grande repercussão cultural”, opina.
Já o presidente do NCCN, Mateus Neves da Fontoura, espera contar com apoio da comunidade cachoeirense que será contatada para ajudar no investimento, com apoio em projeto de incentivo, e desta forma contribuirá para o resgate histórico e cultural do Aparte da Canção Nativa.


Os contatos poderão ser feitos através da JE Midia Visual , fone: (51) 3722.4044 ou do Sindicato Rural, fone: (51)3722.2797, para mais esclarecimentos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixa teu comentário, mas por favor, te identifica. Grato e um baita abraço.