segunda-feira, 18 de agosto de 2014

OS DESTAQUES DA 28ª MOENDA

Zé Alexandre interpretando a campeã da 28ª Moenda.
A 28ª Moenda da Canção e a 4ª Moenda Instrumental foram realizadas de 15 a 17 de agosto, em Santo Antônio da Patrulha. Concorreram 20 composições, sendo 16 com letra e 4 instrumentais. 
Mais uma vez saiu vencedor o cantor e compositor Zé Alexandre, que defendeu a valsa Amorável, composta em parceria com o poeta Jaime Vaz Brasil. 
A comissão avaliadora esteve composta por  Carlos Madruga, Greice Morelli, Mario Tressoldi, Martin César e Ronald Augusto. 
Da noite final, merece  registro a bonita e emocionante homenagem prestada ao músico e compositor Carlos Catuípe, falecido no início de 2014, cuja obra foi de grande importância para a Moenda e para a musicalidade litorânea.
O Troféu Origens, oferecido pela RBS TV, através do programa Galpão Crioulo foi entregue a cantora Cléa Gomes, viúva de Carlos Catuípe.

Os destaques da 28ª Moenda da Canção e da 4ª Moenda Instrumental são os seguintes
Primeiro Lugar:  Amorável
Letra: Jaime Vaz brasil
Melodia: Zé Alexandre
Interpretação:  Zé Alexandre
Segundo Lugar: Cancha
Letra: Mauro Moraes
Melodia: Mauro Moraes
Interpretação: Ita Cunha
Terceiro Lugar: Contramão
Letra: Bilora
Melodia: Bilora
Interpretação: Bilora
Melhor Intérprete: Ita Cunha  -   Cancha
Melhor Instrumentista: Bruno Esperon  –  Das Coisas Que Acredito
Melhor Arranjo:  Das coisas Que Acredito
Autores: Rômulo Chaves/Maykell Paiva
Melhor Letra:  Farejando Desgraça
Autor: Lanes Cardeal
Melhor Visual de Palco: Rincão Gaia
Autores: Tiago Suman/Guilherme Suman/Kako Xavier
Melhor Música na Opinião do Público: Cancha
Autor: Mauro Moraes

4ª Moenda Instrumental:
Primeiro Lugar: Luminoso
Autor: Elias Barbosa da Silva
Melhor Instrumentista:  João Vicente -  Luminoso

Troféu Origens: Cléa Gomes


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixa teu comentário, mas por favor, te identifica. Grato e um baita abraço.